Tipos Psicológicos de Carl Jung

quarta-feira, 19 de novembro de 2008, 11:36 Eduardo Rolim 3 Comentários

Eu confesso não saber até que ponto as idéias de Jung são válidas enquanto estudo piscológico, mas não posso deixar de registrar o quanto eu me sinto atraído por suas diversas teorias e explicações como idéias. Sabe aquelas coisas que você diz “que idéia interessante”. Não me importo então, com a validade disso, mas com a diversão que isso pode me conferir.

Fazendo o teste...

Em português basta clicar aqui. É necessário fazer um cadastro simples.

Em inglês há vários. Com este e este.

Entendendo os tipos psicológicos

teoria dos tipos junguianos recebeu na década de 40 contribuições de Isabel Myers e Katharine Briggs ao criarem a primeira versão do inventário MBTI - Myers Brigss Type Indicator, que identifica 16 tipos psicológicos.

A teoria junguiana aponta 8 tipos, definindo estes pela disposição e função psíquicas principais.

A teoria de Myers e Briggs aponta 16 tipos, pois acrescentam nas suas definições as funções de percepção e de julgamento, o que permite a identificação da função auxiliar de cada tipo, algo não realizado pelo próprio Jung.

Os 16 tipos de Myers e Briggs são identificados cada um por quatro letras - representando pares de opostos - conforme apresenta o quadro abaixo: ORDEM DA LETRA SIGNIFICADO

1ª Disposição E - Extroversão I - Introversão

2ª Função de percepção S - Sensação N - Intuição

3ª Função de julgamento T - Pensamento F - Sentimento

4ª Função J - Julgamento P - Percepção

Assim, no MBTI, temos a seguinte seqüência:

1ª letra : indica a disposição principal (E ou I).
2ª letra : indica a função de percepção mais conscientemente utilizada (S ou N).
3ª letra : indica a função de julgamento mais conscientemente utilizada (T ou F).
4ª letra : indica o modo pelo qual o sujeito aborda mais conscientemente o mundo externo (P ou J).

Para o indivíduo extrovertido, que referencia suas atitudes pelo objetivamente dado, a dimensão P-J indica diretamente qual é sua função principal. Assim, se o extrovertido aborda o mundo externo pela função de percepção (P), terá uma das funções de percepção (P) - sensação (S) ou intuição (N) - como função principal. Se o extrovertido aborda o mundo externo pela função de julgamento (J), terá uma das funções de julgamento (J) - pensamento (T) ou sentimento (F) - como função principal.

Diferentemente, para o indivíduo introvertido, que referencia suas atitudes pelo subjetivamente dado, a dimensão P-J indica indiretamente qual é sua função principal.

Existem 16 combinações possíveis que podem ser agrupadas em 4 grupos principais:

QUADRO DOS 16 TIPOS PSICOLÓGICOS SEGUNDO MYERS E BRIGGS (MBTI)

TIPO / DISPOSIÇÃO PRINCIPAL / FUNÇÃO PRINCIPAL / FUNÇÃO AUXILIAR / FUNÇÃO TERCIÁRIA / FUNÇÃO INFERIOR

TIPOS PENSATIVOS

ESTJ extrovertida pensamento sensação intuição sentimento
ENTJ extrovertida pensamento intuição sensação sentimento
ISTP introvertida pensamento sensação intuição sentimento
INTP introvertida pensamento intuição sensação sentimento

TIPOS SENTIMENTAIS

ESFJ extrovertida sentimento sensação intuição pensamento
ENFJ extrovertida sentimento intuição sensação pensamento
ISFP introvertida sentimento sensação intuição pensamento
INFP introvertida sentimento intuição sensação pensamento

TIPOS SENSITIVOS

ESTP extrovertida sensação pensamento sentimento intuição
ESFP extrovertida sensação sentimento pensamento intuição
ISTJ introvertida sensação pensamento sentimento intuição
ISFJ introvertida sensação sentimento pensamento intuição

TIPOS INTUITIVOS

ENTP extrovertida intuição pensamento sentimento sensação
ENFP extrovertida intuição sentimento pensamento sensação
INTJ introvertida intuição pensamento sentimento sensação
INFJ introvertida intuição sentimento pensamento sensação

Em futuras postagens tentarei abordar cada um em particular, mostrar personagens conhecidos, etc. Eu já adianto que sou INTJ. E vocês? De que tipo são?

3 comentários:

  1. Enquanto estudo psicológico, as idéias de Jung são bastante relevantes no âmbito acadêmico. Toda a psicologia do inconsciente é baseada principalmente nos pressupostos teóricos de Freud e de Jung.

    ResponderExcluir

Todos os comentários serão moderados (lidos e avaliados) antes de serem postados. Não serão tolerados comentários que:

- Contenham ofensas pessoais ou difamação contra qualquer pessoa ou marca.
- Declarem ou incentivem o racismo ou qualquer tipo de preconceito.
- Possuam links de comércio eletrônico, conteúdo adulto ou divulgação de qualquer site.

Sua opinião é sempre bem vinda e dúvidas serão esclarecidas na medida do possível. :)