Ferramentas para o Twitter

segunda-feira, 24 de agosto de 2009, 06:43 Eduardo Rolim 0 Comentários

Usar o Twitter é uma tarefa difícil hoje, para quem não têm pelo menos um cliente como o TwitterFox ou o TweetDeck. Essas ferramentas facilitam demais o trabalho de se enviar tweets e ainda ajudam com outras coisas, como encurtar urls longas ou mesmo enviar imagens pro TwitPic. No entanto, essaqs são só algumas das diversas (e quando digo diversas, são muitas mesmo) ferramentas para te tornar mais viciado facilitar suas twitadas. Veja abaixo várias ferramentas, divididas em tópicos mais ou menos organizados por inutilidade.

Ferramentas para o Twitter



Twitter Analysis: Para ter dados sobre suas contas
  1. Twitter Grader: Para mostrar seu status no Twitter e reunir potenciais novos contatos.
  2. Twitterholic: Para conhecer usuários do Top Twitter.
  3. TweetStats: Estatísticas e gráficos.
  4. Twitter Friends: Estatísticas das suas conversas.
  5. Twinfluence: Mede a influência social de uma conta.
  6. Tweetwasters: Mostra o tempo que você gasta escrevendo no twitter.
  7. Tweet-Rank: Para descobrir se alguém parou de seguir você por alguma coisa que você disse.
  8. Mr. Milestone: Envia mensagens cada vez que tem 100 novos seguidores.
  9. Retweetrank: Mostra a quantidade de re-tweets seus e dos seus seguidores.
Obter Informação: estudos de mercado, notícias, etc.
  1. Tweetbeep: Para criar alertas sobre Twitter com monitoramento de palavras-chave.
  2. Twitterverse: Relatórios das palavras mais usadas no Twitter.
  3. Twitscoop: Para compartilhar links interessantes.
  4. Twitbuzz: Relatórios de últimas conversas no Twitter.
  5. StrawPoll: Para fazer enquetes com um @reply.
  6. Retweetist: Os links mais re-tweetados (RT).
  7. Monitter: Monitoramento de palavras chave.
  8. Citweet: Monitoramento em tempo real de tweets por cidade.
  9. TweetNews: Ranking de notícias.
  10. TwitterBuzz: Os links mais populares do Twitter.
  11. Tweetscan: Para programar alertas de buscas.
Ampliando sua vida social: Para encontrar novos usuários.
  1. Twitter Local: Os textos de usuários de uma área determinada.
  2. Twubble: Recomendações de novos usuários.
  3. MyCleenr: Ordena os contatos em função da sua atividade.
  4. Follow Cost: Mostra o número de atualizações médio de cada usuário.
  5. Tweepler: Para decidir se seguir ou não a quem lhe esta seguindo.
  6. Just Tweet It: Encontre usuários segundo seus interesses.
  7. TweetWheel: Para descobrir relações entre seus contatos.
  8. SocialToo: Para seguir automaticamente, fazer enquetes e obter informações da sua rede de contatos.
  9. Twitoria: Para detetar aos que não atualizam.
  10. TwitDir: Para encontrar pessoas por categorias de tema.
  11. Who Should I Follow?: Recomendações de usuários interessantes.
  12. Nearbytweets: Informação sobre usuários do twitter de uma área determinada.
  13. Twellow: As páginas amarelas do twitter, por tipo de trabalho.
  14. Mr. Tweet: Assistente pessoal do Twitter, para encontrar contatos interessantes.
  15. Qwitter: Envia um aviso quando alguém para de seguir você.
Organização: Para deixar sua conta mais organizada.
  1. Summize: Obter informação do Twitter com buscas em tempo real.
  2. Tweettoclock: Para conhecer o melhor momento de encontrar alguem online no Twitter.
  3. Just Signal: Filtra a informação do twitter.
  4. TweepSearch: Encontra seguidores de temas específicos.
  5. Friend or Follow: Organiza os contatos do twitter para saber quem não está lhe seguindo.
  6. TwitResponse: Para agendar o envio de tweets.
  7. TwitterSnooze: Para parar as atualizações de um usuário determinado.
  8. Twitterless: Para saber quando alguém para de lhe seguir.
  9. Twilert: Para seguir tweets com determinadas palavras chave.
  10. Tweetdeck: Para escrever e organizar por grupos.
  11. Twalala: Para pular tweets relacionados com alguma palavra ou pessoa.
Ferramentas para compartilhar: Para divulgar seu negócio, compartilhar fotos, etc.
  1. Tweetburner: Para compartilhar links e ver estatísticas.
  2. Twitpic: Para compartilhar fotos.
  3. TwitterHawk: Para conhecer seu target marketing.
  4. Acamin: Para compartilhar arquivos.
  5. Glue: Para recomendar livros, filmes, etc.
  6. Ping.fm: Para atualizar sua lista de contatos.
  7. TweeTube: Para compartilhar vídeo.
  8. twiggit: Para compartilhar links.
  9. Twisten.fm: Para compartilhar a música que esta escutando.
Produtividade: Para facilitar sua vida.
  1. Twittercal: Integra twitter com Google Calendar.
  2. Timer: Para colocar alertas de lembranças no twitter.
  3. TwitterNotes: Organizar notas pelo twitter.
  4. Remember the Milk: Use Remember the Milk para atualizar sua lista de atividades.
  5. Tweetake: Para fazer uma cópia de segurança dos seus textos do twitter.
  6. Nozbe: Para manter uma lista de tarefas pendentes.
  7. Toodledo: Para integrar toodleto (lista de tarefas pendentes) a seu twitter.
  8. TrackThis: Para receber uma mensagem cada vez que sua informação se move pela internet.
  9. Joint Contact: Para conseguir um administrador de projetos no Twitter.
  10. Tempo: Ferramenta de gerenciamento de tempo.
  11. Twuffer: Configurar alertas, agendar tweets, enviar DM…
  12. OutTwit: Para usar twitter dentro do Outlook.
  13. Jott: De voz para twitter.
Life Tools: Para organizar seus eventos e atividades
  1. 21Tweets: Personal training no Twitter.
  2. TwtTRIP: Para fazer planejamento de viagens.
  3. Tweet Answers: Para fazer perguntas e obter respostas.
  4. Twtvite: Organizar eventos.
  5. Vacatweet: Auto-resposta nas suas férias.
  6. plusplusbot: Para compartilhar pensamentos.
  7. TrackDailyGoals: Para organizar objetivos diários.
  8. Tweeteorology: Para obter informação do tempo.
  9. DreamTweet: Para cadastrar seus sonhos e seguir os sonhos dos outros.
Negócios: Para sua vida profissional.
  1. Chipin: Para juntar fundos.
  2. Xpenser: Para gerenciar seu dinheiro.
  3. Twittertise: Para campanhas de publicidade.
  4. TwtQpon: Para criar cupões.
  5. Tipjoy: Semelhante a Chipin.
  6. SalesTwit: Para administrar contatos.
  7. Tweet What You Spend: Para saber onde vai seu dinheiro.
  8. StockTwits: Para conhecer mais sobre o mercado de ações.
Saúde: Para estar em forma.
  1. Qwitter: Para parar de fumar.
  2. TweetPlot: Estatísticas de comida e atividade física.
  3. Tweetwhatyoueat: Cadastrar o que come.
  4. gtFtr: Registro de atividade física.
  5. SugarStats: Para diabéticos.
  6. FoodFeed: Para fazer listas de comida.
Blogging: Integração de blogs e Twitter.
  1. Add to Any: Compartilhar os posts no twitter.
  2. TwitThis: Para que os leitores enviem seus posts no twitter.
  3. MyTwitter: Par amostrar seu estado no wordpress.
  4. Twitpress: Um novo tweet por cada novo post.
  5. TwitterCounter: Para mostrar seus seguidores.
  6. TwitterFeed: Para enviar seu RSS ao twitter.

0 Comentários:

Todos os comentários serão moderados (lidos e avaliados) antes de serem postados. Não serão tolerados comentários que:

- Contenham ofensas pessoais ou difamação contra qualquer pessoa ou marca.
- Declarem ou incentivem o racismo ou qualquer tipo de preconceito.
- Possuam links de comércio eletrônico, conteúdo adulto ou divulgação de qualquer site.

Sua opinião é sempre bem vinda e dúvidas serão esclarecidas na medida do possível. :)

E o Cadastro Único virou RIC!!

quarta-feira, 19 de agosto de 2009, 15:51 Eduardo Rolim 1 Comentários

Estava aqui revendo algumas notícias antigas e achei um texto interessante sobre a iniciativa do governo federal de implementar um Cadastro Único, denominado RIC, ou Registro Único de Identidade Civil. A iniciativa é louvável, e começaria a ser implementada em Janeiro de 2009, mas até o momento não ouvi falar dessa nova forma de mostrarmos nossos documentos ...

O Governo brasileiro divulgou recentemente (início deste ano) a nova Carteira de Identidade, chamada de RIC, Registro Único de Identidade Civil, tem o formato de um Cartão de Crédito. O RIC possui um chip com todos os dados do portador, como nº da Identidade, CPF, Título de Eleitor, além de infomações como altura e cor dos olhos. Além disso possui algumas características que permitem um aumento na segurança contra violação ou falsificação, como tintas e efeitos óticos especiais, dados criptografados, e a gravação a laser dos dados em camadas inferiores...



"A nova carteira de identificação, apresentada pelo Ministério da Justiça (MJ) e pela Polícia Federal (PF) na terça-feira (8), ainda depende da aprovação de um decreto para entrar em vigor a partir de 2009. O RIC (Registro de Identidade Civil) não será obrigatório.

Segundo a PF, o novo documento tem modernos itens de segurança, como fundos complexos, tintas e efeitos ópticos especiais, além de chip que armanezará dados dos cidadãos.

O RIC foi instituído pela Lei 9454/1997. A proposta é unificar o cadastro de identificação estaduais e federal. O Instituto Nacional de Identificação (INI) será comunicado de todo e qualquer registro de indivíduo.

Assim que for implementado o RIC, a previsão é de que os 4.375 postos de identificação sejam equipados. Isso vai permitir o cadastro de 20 mil pessoas por dia.

A partir do terceiro ano do projeto, 80 mil pessoas poderão ser cadastradas a cada dia, com meta de 20 milhões por ano. Ao longo de nove anos serão cadastradas 150 milhões de pessoas.
"

Fonte: G1

O modelo de cartão de identidade aprovado pela PF reunirá todas as informações pessoais, como o número do CPF e o título de eleitor, armazenados num chip. Há também itens de segurança, como uma marca d'água e a maneira como os dados serão inscritos no cartão.

A informação não é uma tinta, então nenhum reagente químico pode alterá-la.

Como diz o vídeo abaixo, parece que basta apenas um pouco de boa vontade para o que o Brasil seja pioneiro em relação à Tecnologia.

Diga-se de pasasgem, somos pioneiros também na votação eletrônica, onde servimos de exemplo para diversos países.

Confira o Vídeo do excelente portal Olhar Digital:



Fontes:
Jornal G1
Blog Pensamento TI
Jornal O Globo
Agregador Uai.com.br

1 Comentário:

Todos os comentários serão moderados (lidos e avaliados) antes de serem postados. Não serão tolerados comentários que:

- Contenham ofensas pessoais ou difamação contra qualquer pessoa ou marca.
- Declarem ou incentivem o racismo ou qualquer tipo de preconceito.
- Possuam links de comércio eletrônico, conteúdo adulto ou divulgação de qualquer site.

Sua opinião é sempre bem vinda e dúvidas serão esclarecidas na medida do possível. :)

Músicas para Fossa

sábado, 15 de agosto de 2009, 00:01 Eduardo Rolim 8 Comentários

Está chovendo lá fora e você está sentado no sofá, comendo pipoca, chocolate, sorvete, ou abraçado naquele urso de pelúcia que te lembra tanto daquela pessoa que vc amava mais do que você mesmo, mas que saiu de sua vida depois daquele D.R. que praticamente acabou com o relacionamento.

Quem está certo ou quem está errado não é a questão. A questão é que uma hora ou outra você irá começar a pensar em tudo o que vcs passaram juntos e relembrar aqueles momentos simples da vida, que de repente tomaram uma conotação tão especial para você.

Seja bem vindo(a)! Você está na fossa.

A fossa é um momento em nossas vidas nas quais nós paramos para analisar nossas ações no decorrer do tempo. Quase sempre ocorre após algum acontecimento que lhe obrigou a tomar uma atitude que em circunstâncias normais (CNTP) você não tomaria...

8 Comentários:

Todos os comentários serão moderados (lidos e avaliados) antes de serem postados. Não serão tolerados comentários que:

- Contenham ofensas pessoais ou difamação contra qualquer pessoa ou marca.
- Declarem ou incentivem o racismo ou qualquer tipo de preconceito.
- Possuam links de comércio eletrônico, conteúdo adulto ou divulgação de qualquer site.

Sua opinião é sempre bem vinda e dúvidas serão esclarecidas na medida do possível. :)

Agosto: Mês dos Meteoros

quarta-feira, 12 de agosto de 2009, 19:51 Eduardo Rolim 0 Comentários

Madrugadores, preparem-se para ver um dos maiores espetáculos cósmicos do ano. A chuva de meteoros Perseídeos vai iluminar o céu durante os primeiros vinte dias deste mês. Os bólidos, que estão riscando o céu desde o final de julho, têm seu ponto alto entre os dias 11 e 13. Mas, mesmo depois dessa data, você pode aproveitar o show.

Se mantiver os olhos colados no céu, principalmente na região perto da estrela Capela, poderá ver até cinqüenta estrelas cadentes por hora.

Não se deixe enganar pelo brilho. A maioria são ciscos menores que um grão de areia – tão pequenos que não atingem a superfície.

Eles se chocam com a camada mais alta da atmosfera a cerca de 100 000 quilômetros por hora. E, devido ao atrito com o ar, queimam-se antes de chegar ao solo.

Os Perseídeos são restos do cometa Swift-Tuttle, que se aproxima do Sol a cada 135 anos. A última vez que ele passou por aqui foi em 1992.

Quando essa bola de gelo sujo é atingida pelas partículas lançadas pelo Sol, o chamado vento solar, ela vai soltando lascas que formam um rastro flutuante no espaço. A cada vez que a Terra cruza esses restos de cauda, é bombardeada por eles.

Os Perseídeos são a chuva de meteoros mais antiga que se conhece. No ano 36 da era cristã, os chineses já registravam o acontecimento. Mas foi só em 1866 que o astrônomo italiano Giovanni Schiaparelli associou os bólidos à passagem do Swift-Tuttle.

Além da poeira mais fina, a terra captura também fragmentos do tamanho de um grão de feijão e até maiores. Quando um rocha dessas atravessa a atmosfera a 100.000 km/h, deixa um belíssimo rastro luminoso, alaranjado ou azulado. Esteja preparado para ver alguns desses bólidos. A taxa esperada de meteoros é de 50 a 100 por hora, mas grande parte os meteoros são fracos, exigindo céu bem escuro para serem vistos. A lua minguante será favorável: vai nascer de madrugada. Afaste-se da iluminação urbana. Sente-se numa cadeira com vista para o nordeste e fique atento por uma hora, por volta das meia-noite ou pouco mais tarde.

As estrelas cadentes parecerão provir de um ponto do céu na constelação de Perseu, que estará bem baixa no horizonte. Além dessa data, toda a segunda e a terceira semana serão propícias. Os astrônomos amadores costumam contar os meteoros. Para isto, reúnem-se em grupo de quatro, sentando-se de costas um para o outro, de modo de cada um vigia um quadrante em torno de um ponto cardeal. Sem mover a cabeça para os lados, cada um conta as estrelas cadentes que passa pelo seu campo visual. Ao final de algumas horas, eles somam os eventos, calculam a taca horária e a comunicam aos centros de coletas de dados. As observações mostram um crescente aumento dos Perseídeos nos últimos anos.

Ah, em tempo: os Perseídeos são chamados tradicionalmente de Lágrimas de São Lourenço. Conta-se que uma das chuvas ocorreu justamente na noite da morte desse santo romano, no dia 10 de agosto de 258.

Fonte: Super
Examiner

0 Comentários:

Todos os comentários serão moderados (lidos e avaliados) antes de serem postados. Não serão tolerados comentários que:

- Contenham ofensas pessoais ou difamação contra qualquer pessoa ou marca.
- Declarem ou incentivem o racismo ou qualquer tipo de preconceito.
- Possuam links de comércio eletrônico, conteúdo adulto ou divulgação de qualquer site.

Sua opinião é sempre bem vinda e dúvidas serão esclarecidas na medida do possível. :)

Bronha - A amiga de todas as horas

terça-feira, 11 de agosto de 2009, 15:16 Eduardo Rolim 6 Comentários

Se você é, já foi ou será algum dia, um punheteiro convicto, tenha sempre a preocupação de manter atualizados os seus conhecimentos acerca da milenar arte da bronha. Prá lhe dar uma mãozinha desocupada, publicamos a seguir algumas importantes e inéditas informações sobre o assunto.

Origens históricas da punheta

Alguns historiadores tarados dizem que a prostituição é a profissão mais antiga do mundo. Pura invencionice. A prostituição, por envolver um equivalente de troca - dinheiro, sal, boi, cheque pré-datado, etc - é um fenômeno extremamente moderno, se comparado com a punheta. Sim! Pois muito antes do surgimento do comércio - mesmo em se tratando do comércio de xoxotas e afins - nossos antepassados primatas já mandavam ver na mão...

6 Comentários:

Todos os comentários serão moderados (lidos e avaliados) antes de serem postados. Não serão tolerados comentários que:

- Contenham ofensas pessoais ou difamação contra qualquer pessoa ou marca.
- Declarem ou incentivem o racismo ou qualquer tipo de preconceito.
- Possuam links de comércio eletrônico, conteúdo adulto ou divulgação de qualquer site.

Sua opinião é sempre bem vinda e dúvidas serão esclarecidas na medida do possível. :)

Tudo sobre o Signo de Peixes

sexta-feira, 7 de agosto de 2009, 12:00 Eduardo Rolim 189 Comentários


À partir de hoje, todos os posts da série Tudo Sobre Signos estarão disponíveis no link O Livro dos Signos, no blog Inum Coeli. O texto desse post está agora no post O Livro do Signo de Peixes. Aproveitem.

189 Comentários:

Todos os comentários serão moderados (lidos e avaliados) antes de serem postados. Não serão tolerados comentários que:

- Contenham ofensas pessoais ou difamação contra qualquer pessoa ou marca.
- Declarem ou incentivem o racismo ou qualquer tipo de preconceito.
- Possuam links de comércio eletrônico, conteúdo adulto ou divulgação de qualquer site.

Sua opinião é sempre bem vinda e dúvidas serão esclarecidas na medida do possível. :)

IRC Twitter - Envie updates para o Twitter de dentro do X-Chat/mIRC

terça-feira, 4 de agosto de 2009, 10:42 Eduardo Rolim 0 Comentários

O suporte à scripts dos clientes de IRC é com certeza uma das maiores facilidades já criadas, permitindo estender muito o cliente básico, transformando estes clientes em verdadeiras plataformas de comunicação. O X-Chat é um desses clientes, que suportam uma miríade de linguagens de escript diferentes, entre elas, a linguagem Python.

Eu já vi vários scripts para as mais diversas finalidades, de informações de sistema à risadas automatizadas. No entanto, até o momento não vi nenhum plugin que permitisse alguma forma de integração com o Twitter.

Por incrível que pareça, o Twitter compartilha algumas características que as redes de IRC já usam há muitos anos. Entre elas, a formação de comunidades em torno de assuntos populares (os trend topics) e a proximidade que existe entre os participantes.

Como atualmente eu ando estudando bastante as ferramentas para Web para Python, usando como alvo o Twitter (E que num futuro próximo, renderá um novo cliente Twitter cheio de recursos desnecessários hehehe), resolvi fazer um script bem simples para o X-Chat, só pra envio de mensagens.

O X-Chat é uma excelente plataforma que eu poderia usar para misturar conversas dos knais com mensagens no Twitter, mas deixo por enquanto isso para um futuro mais distante.

No momento, vamos ser K.I.S.S...



Nesse script que estou postando para vocês hoje, eu usei a API do X-Chat para Python em conjunto com a API Web do Twitter (em Json) para criar um simples comando, que se autentica no Twitter e envia o update. Só isso. Nada de verificar atualizações, nada de replies ou retweets. A idéia é deixar o uso tão simples, porque sempre aparecem pérolas no IRC que queremos de alguma forma guardar !! E é esse o pensamento que eu tive.

Ao usar o comando /tw no X-Chat, o mesmo enviará uma mensagem na janela corrente, e em seguida irá fazer o update no Twitter:
* Vndmtrx enviou um tweet: Esse eh meu teste do Twitter X-Chat ;) (http://twitter.com/vindemiatrix)

Dentre os recursos que eu usei nesse script, o que se destaca mais é o uso do ConfigParser para guardar as configurações de usuário e senha. O script pode ser simples, mas não vamos ser simplórios (e nem imbecis) de guardar um login e senha em uma estrutura dentro do script que, a cada alteração de usuário, seja necessário editar o script, né ??

Para usar o script a primeira vez, é necessário usar o comando /twconf , para podermos enviar os updates para o usuário.

O uso de urllib e urllib2 não vou comentar pq é básico. A única coisa a mais que vale ser comentada é a dificuldade para conseguir passar um dicionário para a função str.format(). Como usava muito pouco, havia me esquecido dos **kwargs.

P.S.: Durante os testes com o script, eu via que, dependendo da conexão e do horário, o script congelava o X-Chat por vários minutos. Então, pensando nesse problema, eu coloquei o envio da mensagem dentro de uma thread, que é chamada a cada envio, acabando com o delay causado pelo urllib2.

Fica aí então a dica para aqueles que, advindos do antigo formatador de strings com "%", que para acessar itens de dicionário, a sintaxe é "{chave1}, {chave2}".format(**dicionario), desde que chave1 e chave2 existam dentro do mesmo.

Algumas correções foram sugeridas pelo meu amigo JimmySkull e as mesmas já se encontram no código revisado, abaixo.

No mais, é só isso mesmo. Mais pra frente eu prometo um cliente mais poderoso que esse, com suporte a mais opções e, quem sabe, até uma GUI (Feita em wxPython ou, se eu tiver coragem suficiente, em PyGtk).

Abração. Aproveitem o código, abaixo.

#!/usr/bin/env python
# -*- coding: iso-8859-1 -*-

##*MIT License. Copyright (c) 2009 Vindemiatrix Almuredin, Jimmy Skull
##*
##* Permission is hereby granted, free of charge, to any person obtaining a copy of this
##* software and associated documentation files (the "Software"), to deal in the Software
##* without restriction, including without limitation the rights to use, copy, modify, merge,
##* publish, distribute, sublicense, and/or sell copies of the Software, and to permit persons
##* to whom the Software is furnished to do so, subject to the following conditions:
##* Except as contained in this notice, the name(s) of the above copyright holders shall
##* not be used in advertising or otherwise to promote the sale, use or other dealings in
##* this Software without prior written authorization.
##*
##* The above copyright notice and this permission notice shall be included in all copies or
##* substantial portions of the Software.
##*
##* THE SOFTWARE IS PROVIDED "AS IS", WITHOUT WARRANTY OF ANY KIND, EXPRESS OR IMPLIED,
##* INCLUDING BUT NOT LIMITED TO THE WARRANTIES OF MERCHANTABILITY, FITNESS FOR A PARTICULAR
##* PURPOSE AND NONINFRINGEMENT. IN NO EVENT SHALL THE AUTHORS OR COPYRIGHT HOLDERS BE LIABLE
##* FOR ANY CLAIM, DAMAGES OR OTHER LIABILITY, WHETHER IN AN ACTION OF CONTRACT, TORT OR
##* OTHERWISE, ARISING FROM, OUT OF OR IN CONNECTION WITH THE SOFTWARE OR THE USE OR OTHER
##* DEALINGS IN THE SOFTWARE

from threading import Thread
import xchat
import urllib2
import urllib
import base64
import ConfigParser

__module_name__ = "X-Chat Twitter"
__module_version__ = "1.6.6.1327635287"
__module_description__ = "Envia mensagens para o Twitter pelo X-Chat"

config = ConfigParser.RawConfigParser()

def salvasenha(texto, texto_eol, dados):
if not config.has_section('Twitter'):
config.add_section('Twitter')
config.set('Twitter', 'Usuario', texto[1])
config.set('Twitter', 'Senha', texto[2])
with open('twitter.conf', 'wb') as configfile:
config.write(configfile)
print 'Configuracoes Salvas!'
return xchat.EAT_ALL

def twitar(texto, texto_eol, dados):
try:
config.read('twitter.conf')
if config.has_section('Twitter'):
login = dict()
login['usuario'] = config.get('Twitter', 'Usuario')
login['senha'] = config.get('Twitter', 'Senha')

if len(texto_eol[1]) < 140:
# Gera string de login para enviar no cabeçalho HTTP
auth = base64.encodestring("{usuario}:{senha}".format(**login)).strip()

# Mostra o "tweet" no canal ativo no momento
xchat.command("me enviou um tweet: {0} (http://twitter.com/{1})".format(texto_eol[1], login['usuario']))

# Monta a requisicao a ser enviada
req = urllib2.Request("http://twitter.com/statuses/update.json",
urllib.urlencode({"status":texto_eol[1]}),
{"Authorization": "Basic {0}".format(auth), "X-Twitter-Client": __module_name__})

# Transmite a mensagem para o Twitter
urllib2.urlopen(req)
else:
print "Sua mensagem tem mais de 140 caracteres."

else:
print 'Eh necessario gravar um usuario e senha para poder usar esse comando ("/twconf ")'
except HTTPError, e:
if e.code == 401:
print 'Falha na autenticacao. Verifique seu usuario e senha antes de prosseguir. ({0})'.format(e.reason)
else:
print 'Erro de comunicacao. ({0})'.format(e.reason)
except:
print 'Erro desconhecido.'

def tw(texto, texto_eol, dados):
t = Thread(target=twitar, args=(texto, texto_eol, dados))
t.start()
return xchat.EAT_ALL

xchat.hook_command("tw", tw, help="/tw [mensagem]")
xchat.hook_command("twconf", salvasenha, help="/twconf [usuario] [senha]")


Tb encontrável em http://pastebin.ca/1518306

Só fazendo uma adição de última hora, muitas pessoas me perguntaram se esse script existia para o mIRC e eu disse que não. Então essas pessoas me falaram que adorariam usar o script no mIRC. Em vista disso, estou botando minha versão do mesmo, ainda altamente experimental, pq não uso o mIRC e não pude testá-lo.

Obrigado ao site Dooyoo por me ajudar a completar essa tarefa. Agora, posto abaixo o script para o mIRC:
; No Aliases do mIRC Script Editor

twconf {
set %tw.usuario $1
set %tw.senha $2
echo -a Usuário e Senha do Twitter guardados.
}

tweet {
if ($len(%tw.usuario) < 1) {
echo -a Eh necessario setar um usuário e senha antes de usar o comando. /twconf usuario senha
} else {
if ($len($1-) > 140) {
echo -a A sua mensagem têm mais de 140 caracteres. Tamanho atual: $calc($len($1-)-140).
halt
}

set %auth $encode($+(%tw.usuario,:,%tw.senha),m)
sockclose twsocket
sockopen twsocket twitter.com 80
.timertwitter 1 5 twitter_timeout
set %tweet $$1-
me enviou um tweet: %tweet http://twitter.com/ $+ %tw.usuario
}
}

; Urlencode e Urldecode para o mIRC (foda ele não ter !!)
urlencode return $regsubex($1-,/\G(.)/g,$iif(($prop && \1 !isalnum) || !$prop,$chr(37) $+ $base($asc(\1),10,16),\1))
urldecode return $replace($regsubex($1-,/%(\w\w)/g,$chr($iif($base(\t,16,10) != 32,$v1,1))),$chr(1),$chr(32))

; ... e os dados da conexão não chegarem, kill the socket! kill the socket!
twitter_timeout {
sockclose twsocket
}


; No Remote do mIRC Script Editor

; ... e tivermos dados, mensagem enviada !!
on *:sockread:twsocket: {
.timertwitter off
sockread -f %string
sockclose twitter
}

; ... quando o socket aceitar a conexão ...
on *:sockopen:twsocket:{
sockwrite -n twsocket POST /statuses/update.json HTTP/1.1
sockwrite -n twsocket Host: twitter.com
sockwrite -n twsocket User-Agent: Mozilla/5.0 Gecko/20090715 Firefox/3.5.1 GTB5
sockwrite -n twsocket Content-Length: $calc($len($urlencode(%tweet)) + 9)
sockwrite -n twsocket Authorization: Basic %auth
sockwrite -n twsocket $crlf
sockwrite twsocket status=
sockwrite -n twsocket $urlencode(%tweet)
sockwrite twsocket $crlf
sockwrite twsocket $crlf
}


Tb encontrável em http://pastebin.ca/1504337

0 Comentários:

Todos os comentários serão moderados (lidos e avaliados) antes de serem postados. Não serão tolerados comentários que:

- Contenham ofensas pessoais ou difamação contra qualquer pessoa ou marca.
- Declarem ou incentivem o racismo ou qualquer tipo de preconceito.
- Possuam links de comércio eletrônico, conteúdo adulto ou divulgação de qualquer site.

Sua opinião é sempre bem vinda e dúvidas serão esclarecidas na medida do possível. :)

Firefox - Um Bilhão de Downloads

domingo, 2 de agosto de 2009, 18:00 Eduardo Rolim 0 Comentários



Parabéns firefox, você merece!! A Microsoft destruiu o Netscape Communicator/Navigator e das cinzas, surgiu a Ave de Fogo que veio para destruir o Internet Explorer !!

Veja mais no site Spread Firefox e no One Billion Plus You Hot Site.

0 Comentários:

Todos os comentários serão moderados (lidos e avaliados) antes de serem postados. Não serão tolerados comentários que:

- Contenham ofensas pessoais ou difamação contra qualquer pessoa ou marca.
- Declarem ou incentivem o racismo ou qualquer tipo de preconceito.
- Possuam links de comércio eletrônico, conteúdo adulto ou divulgação de qualquer site.

Sua opinião é sempre bem vinda e dúvidas serão esclarecidas na medida do possível. :)